06 maio 2016

A Ciência Divina e a Ciência Humana.



Muitos que seguem outras religiões existentes têm por costumes criticarem a nossa religião de Umbanda Sagrada, como sendo uma religião fetichista e de muitos Deuses, até mesmos como cultuadores de seres demoníacos, isto para sermos brando com as críticas que recebemos. Mas é necessário que esses irmãos de outros seguimentos religiosos, tenham a tolerância e a humildade de buscar os conhecimentos em fontes idôneas, as verdades sobre a religião de Umbanda Sagrada, pois somente dessa forma estarão seguindo os ensinamentos do nosso irmão Jesus Cristo, quando ele disse: “Conheças a verdade que a verdade vós libertarás”. Hoje a Umbanda Sagrada tem uma vasta biblioteca com vistos de Doutrinas que vem fundamentando a prática religiosa através de uma ciência divina toda sua, não mais precisando recorrer a livros sagrados de outras religiões, como aconteceu no passado.

Assim sendo quero fazer uma síntese comparativa entre a ciência divina e a ciência humana; senão vejamos, até há pouco tempo atrás era algo extraordinário quando a ciência humana  falava em quarta dimensão, quando a ciência divina já falava em setenta e sete dimensões. Enquanto a ciência humana fala que a partícula básica da matéria é o átomo, hoje essa mesma ciência já conseguiu subdividir o átomo em outras setes partículas menores, sendo que seis eles tem conhecimentos de seus fundamentos na origem do átomo, mas a sétima de nome “Quasídon” eles desconhecem o que faz dentro de um átomo. A ciência divina nos diz que a menor partícula existente na criação são os fatores puros, que são sétuplos:

* IGNEOS;
 * EÓLICOS;
* TELÚRICOS;
* AQUÁTICOS;
* MINERAIS;
* CRISTALINOS;
* VEGETAIS.

A ciência humana fala que o princípio gerador são quatro: Terra, Ar, Água, Fogo. A ciência divina nos diz que os princípios da criação de Deus estão nos fatores puros de Deus, a origem de tudo e de todos, inclusive a nossa criação humana.

Há muito a física quântica vem estudando as ondas eletromagnéticas, sendo que o mais famoso destes estudos é a “Teoria das Super Cordas”. Mas, para que esta teoria viesse a se fundamentar eles teriam que chegar a onze dimensões e hoje já se fala que chegaram a trinta e três dimensões. A ciência divina já há muito vem falando sobre ondas vibratórias, ondas fatorais, essenciais, elementais, em correntes eletromagnéticas, em telas vibratórias, etc.

 A ciência humana até há pouco tempo dizia que a raça humana teve a sua origem no macaco. A ciência divina nos diz que somos gerados por Deus numa centelha divina e vamos absolvendo os fatores puros, simples, duplos e compostos, sempre compatíveis ou completares com os fatores puros originais, e vamos sendo conduzidos por divindades mistérios nos diversos planos da vida, que são sétuplos, até chegarmos à terra que, dentro da ciência divina, é o sexto plano da vida, e nos diz que os primeiros seres humanos a habitar esse abençoado planeta foi há mais ou menos sete milhões de anos atrás, sendo que esses primeiros humanos eram de aparências mais rusticas ou mais parecidos com animais para poderem suportar as intempéries da época primitiva. Hoje a ciência humana vem a descobrir o mais antigo ancestral humano com data de quatro milhões de anos, caindo assim por terra que o homem tenha origem no macaco, assim como, vem comprovar que a “gêneses” da Umbanda Sagrada tem fundamentos.

Mas, continuando com a síntese entre a ciência humana e a ciência divina, podemos acrescentar que a ciência humana vem desprendendo um enorme esforço, junto ao centro espacial “NASA” com milhares de cientista para encontrar vida em outros planetas do nosso universo, até agora sem nenhum sucesso, enquanto a ciência divina nos afirma que o plano espiritual, tanto nestes diversos planetas do nosso Universo, assim como nas setenta e seis dimensões intra planetárias paralelas à dimensão humana, é habitado por trilhões de seres criados por Deus, vivendo e evoluindo, não no grau vibratório humano, mas sim dentro de uma escala divina, onde em um grau vibratório diferente todo um novo Universo foi criado pela Onisciência e Onipotência de Deus.

A ciência humana vem se deparando com fatos descobertos em nosso universo, onde o mais sábio dos cientistas não encontra respostas conclusivas, ou não é verdade que os buracos negros são um enigma? Para a ciência divina os buracos negros existentes no universo são portais multidimensionais, que retiram os excessos de energias do nosso universo material e as enviam aos universos paralelos que estão dentro desta escala divina. Assim como temos portais multidimensionais no sentido contrário, onde os excessos de energias existentes nestes universos paralelos são trazidos para o nosso, porque tudo o que Deus gera nada se perde, mas se transmuta em energias densas ou sublimes e vice versa, sempre de acordo com as necessidades destes universos. A ciência humana vem descobrindo novos planetas e outros sistemas planetários, mas toda essa descoberta se encontra dentro da nossa realidade humana ou no mesmo grau vibratório da nossa dimensão humana. Portanto quanto tempo será necessário para a ciência humana comprovar a veracidade da ciência divina, não importa! Mas o que realmente importa é o que a ciência humana já tem comprovado como verdadeiro e o que a ciência divina tem nos revelado. Deus, o divino criador de tudo e de todos, nos tem dado a através da gênese Umbandista a chave para abrir uma pequenina fresta no mistério da sua criação divina. Assim sendo, a você meu irmão que procura em nossos olhos o argueiro, deverá tirar as traves dos seus olhos e que os tem ofuscado, não deixando ver quão bela e divina é a Religião de Umbanda Sagrada. Porque Deus é pai misericordioso e benevolente para com todos nós, seus amados filhos, Ele criou as diversas vias de evolução, que são as diversas religiões existentes em nosso abençoado planeta terra. Possamos um dia todos nós viver em suas diversas moradas e realizarmos o seu desejo.

 “Quão bom e suave é que possamos viver em união”. Não deixemos que a intolerância religiosa faça morada em nossos corações; Porque Deus é nosso criador e nosso pai eterno, então todos nós somos irmãos eternos.
 Por: Laerte Nogiri



Arquivo em formado PDF, para você ler em seu computador, tablet ou smart phone.
FAÇA PARTE DESSA CORRENTE - LEIA O LIVRO MEMÓRIAS DE UM PRETO VELHO

0 comentários:

Postar um comentário